Dicas de Autoajuda Para Tratar a Dependência de Jogos

Qualquer forma de dependência é terrível, e a dependência de jogos de azar é um transtorno obsessivo-compulsivo. Os jogos de azar, podem ser agradáveis ocasionalmente, mas o interesse prolongado neles, pode-se transformar numa obsessão, que obriga o jogador a jogar continuamente, independentemente se ele vence ou não. A dependência do jogo destrói as finanças do viciado e afeta-o socialmente, psicologicamente e fisicamente. Ela devasta a vida do jogador e tem sérias consequências na sua família e amigos.

Como é que a dependência do jogo começa

As pessoas geralmente recorrem ao jogo por várias razões, como curiosidade, experimentam uma vez, vencem e ficam viciadas, mas o principal causador de dependência de jogos de azar é a fuga aos problemas de relacionamento pessoal ou aos fracassos na vida atuais ou passados. A forma mais simples de alguém ficar viciado é experimentar uma ou duas vezes, e com a sorte de principiante ganhar, mas depois começar a perder. Num esforço para recuperar todo o dinheiro, o jogador continua a jogar, até que fica sem nada. Os viciados, não hesitam em pedir, levar emprestado ou roubar dinheiro para continuar a rotina do seu vício.

Esta situação deve ser abordada antes que fique fora de controlo, mas a tarefa mais difícil é identificar um viciado. Um jogador viciado esconde de forma muito inteligente os seus traços característicos. No entanto, um sintoma pode denunciá-los – eles estão sempre a esconder, mentir acerca donde estão e pedem que as pessoas lhe emprestem dinheiro.

Autoajuda para tratar a dependência do jogo – Quais são as opções?

O primeiro passo para curar a dependência do jogo é confessá-lo na presença doutra pessoa. A presença de alguém próximo ajuda o viciado a permanecer motivado com os seus esforços. Este é o passo mais difícil, pois aquele que consegue admitir que é um viciado, tem meio caminho andado para a cura, porque a maioria dos viciados se coíbe de o fazer devido ao medo da rejeição social.

Após a admissão, o viciado deve evitar visitar os lugares onde joga, como casinos e clubes. Se ele é viciado em jogos de azar online então, deve remover todos os sites a partir do computador. O próximo passo é dedicar-se a alguma atividade frutífera que distraia o viciado dos jogos de azar, como fazer caminhadas, ou ir ao ginásio.

As terapias naturais seguintes são melhores e mais seguras do que experimentar algum tipo de medicamento, porque todos os medicamentos têm efeitos secundários, e há o risco de ficar dependente em drogas. Os viciados no jogo também podem participar em fóruns de apoio a pessoas com problemas de jogos de azar, onde podem falar com outras pessoas como elas, a tentar livrar-se deste hábito perigoso.

Outro passo em direção a uma vida melhor é a auto-hipnose. Um viciado pode ir a um hipnotizador/hipnoterapeuta, ou comprar um CD de auto-hipnose, ou efetuar uma mistura dos dois métodos. Um hipnotizador não só irá hipnotizar, mas ouvir os seus problemas e identificar os motivos porque joga e indicar uma solução. No entanto, se esta opção não for possível para alguém, os CDs de auto-hipnose também são uma boa opção. Lembra-te, livrares-te da dependência do jogo é uma batalha constante que um viciado tem que continuar a travar, até que a probabilidade de ter recaídas acabe completamente.